12 abril 2013

não sei pôr normal

aquele post de baixo, a formatação incomoda-me, mas também não sei mudar
a formatação incomoda-me?
sim.
não posso ter dias iguais, formatados, senão dou em doida, é bom despachar tudo assim numa manhã de sexta-feira, preparar aulas, lidar com burocracias aborrecidas, tratar do passaporte - deixa-me meter-te nojo: vou à turquia cantar a 8ª de mahler, ainda ter três horas de aulas que afinal foram uma e meia que afinal foram os cinco minutos do fim em que apresentei o que tinha a apresentar, só me faltou mesmo dar uma corrida, ou ir à natação, mas que se lixe, precisava mais de dormir do que de correr, caham caham, enfim, fazer isto tudo de manhã para amanhã poder ter um dia em que não penso em nada e não faço nada, amo só, é tão bom - o amor e este dia de pausa, devias experimentar, até parece que respiras melhor, estou com medo de falar demasiado cedo, mas parece que a primavera chegou, why do I have spring fever, when I know it isn't spring, pumba, assim já cá vêm parar mais quatro pessoas que não sabem o nome deste tema mas sabem um bocadinho da letra, google search, já estavas, começam a ler e ainda me visitam mais vezes, seja bem-vindo, com todo o calor brasileiro, hoje sinto-me mais, fui fazer o passaporte e parecia que era mesmo como a minha mãe me dizia quando era pequena: apesar de estares no meio de lisboa, este sítio é um bocadinho do brasil, eu não percebia muito bem, mas acreditava, é a minha mãe, bolas, foi um pouco estranho falar com sotaque de cá com toda a gente que lá estava, mas é assim, esta trinacionalidade tem destas coisas, pronto, agora vou começar a não fazer nada, até logo

Um comentário:

Ana Assis disse...

a(s) formatação(ões) também me incomoda(m).

:)